USP PIRASSUNUNGA RECEBE ESTAÇÃO DE COMPARTILHAMENTO

USP PIRASSUNUNGA RECEBE ESTAÇÃO DE COMPARTILHAMENTO

Campi da USP em Pirassununga recebe 30 bicicletas e estação de compartilhamento. Ação faz parte do projeto Vamos de Bike que procura incentivar à utilização da bicicleta como meio de transporte no dia a dia do campus e estimular a visitação das trilhas ecológicas para lazer e aulas de educação ambiental aos finais de semana

O maior campi em extensão territorial da Universidade de São Paulo fica em Pirassununga, ali o potencial para o lazer começou a ser explorado há uns dois anos com a implantação das Trilhas Ecológicas do Campus Fernando Costa. Em 2015 foi criado o projeto Vamos de Bike quando foram implementadas algumas ações voltadas para o lazer.

Neste ano o projeto entra em uma nova fase, a grande extensão territorial é um desafio para a mobilidade interna e contribui para restringir a acessibilidade da comunidade ao campus. Para mudar esse cenário, no final do mês de março foi instalanda uma estação de compartilhamento equipada com 30 bicicletas. A estação fica localizada próxima ao portão principal do campus Fernando Costa e atenderá a toda a comunidade da USP – alunos professores e funcionários poderão se beneficiar do serviço gratuitamente. Para retirar uma bicicleta, é necessário, apenas portar o Cartão USP, preencher um termo de responsabilidade e o usuário tem até 5 horas para usar e devolver a bicicleta.

Na primeira fase da implantação do sistema de compartilhamento de bicicletas, o empréstimo será exclusivo à comunidade interna do Campus, isto é, usuários com cartão de identificação USP. Há planos para a expansão do sistema com a instalação de mais três estações de compartilhamento e a extensão do benefício à comunidade externa que circula ou precisa ter acesso à universidade. O projeto das trilhas ecológicas e o compartilhamento de bicicletas atendem a lei n° 12.587 de janeiro de 2012, que definiu políticas nacionais para a mobilidade urbana; e onde ficou instituído que caberia aos municípios, promover a inclusão social nos espaços públicos, garantindo melhora na circulação nesses lugares.

fotos: Divulgação-USP 
 

(Jornal da USP)

Admin

17 Abril 2017

Mobilidade

Comentários

Destaque

No Rio Grande do Sul legisladores aprovam projeto de lei que prevê ciclovias em todos os projetos rodoviários ou em estradas em fase de construção