SANTOS TEM O PRIMEIRO SISTEMA DE COMPARTILHAMENTO DE BICICLETAS PARA CRIANÇAS

SANTOS TEM O PRIMEIRO SISTEMA DE COMPARTILHAMENTO DE BICICLETAS PARA CRIANÇAS

A cidade de Santos, no litoral paulista, inaugurou no último final de semana de outubro, o primeiro sistema de compartilhamento de bicicletas para crianças de três a dez anos.  A iniciativa, inédita na América Latina, é uma parceira entre a prefeitura de Santos, a Danone e pela operadora Samba Transportes Sustentáveis que controla as 5 estações e 50 bicicletas disponíveis.

Em uma ação que vai além da simples promoção de um produto e em completa sinergia com a sua proposta da marca de estimular o desenvolvimento das crianças, a Danone está patrocinando esse novo projeto de compartilhamento de bicicletas que tem como grande apelo a conquista da autonomia. “Quando as crianças sentem que seus pais acreditam nelas, passam a se sentir mais seguras para explorar o mundo e assim amadurecem de forma mais sadia. Acreditar é dar crédito, é manifestar concretamente o amor que se sente no coração”, destaca Leo Fraiman, Expert em Pedagogia e membro do Conselho Global de Danoninho sobre Autonomia.

Trata-se de um projeto diferenciado, voltado para a educação das crianças e o estimulo ao uso da bicicleta “Muitas vezes as crianças ficam apenas nas cadeirinhas e é importante que elas também possam andar e os pais digam sim para esta autonomia, que ajuda no desenvolvimento cognitivo”, comentou Andrea Gaeta, diretora de Marketing da Danoninho.

O Danoninho Bike Kids funciona todos os dias das 6 às 23 horas e é direcionado para crianças entre 3 e 10 anos, com altura de até 1,50 m e peso máximo de 50 kgs. As 50 bicicletas infantis estão distribuídas em cinco estações: Parque Roberto Mário Santini (emissário submarino, José Menino), Concha Acústica (Canal 3), Fonte do Sapo (Aparecida),  Aquário (Praça Luiz La Scala, Ponta da Praia) e Jardim Botânico (Rua João Fracarolli s/nº, Bom Retiro).

As estações são alimentadas por energia solar e estão conectadas a uma central via wireless, permitindo o monitoramento das bicicletas e estações em tempo real. Para utilizar as bicicletas um adulto responsável pela criança deverá baixar o aplicativo Danoninho Bike Kids em um smartphone, e com um cartão de crédito fazer um cadastro. A utilização das bicicletinhas que tem rodinhas retráteis  é gratuita por  60 minutos, após esse período haverá cobrança de R$ 5,00 por hora adicional. Senão basta aguardar um intervalo de  15 minutos após a devolução e se houver disponibilidade pegar a bike gratuitamente mais uma vez. Para os adultos a cidade de já oferece o Bike Santos com 37 estações e 370 bicicletas.

fotos: divulgação

 

(AdNews - Bike é Legal)

Admin

16 Novembro 2016

Mobilidade

Comentários

Destaque

O uso de freios a disco em bicicletas de estrada ainda está limitado pela entidade máxima do ciclismo e ainda se encontra em fase de testes, sendo liberado apenas para equipes Continentais, Continentais Profissional e World Tour em provas do calendário da UCI . Aqui no Brasil seu uso está proibido na grande maioria das provas do calendário