SANTOS TEM O PRIMEIRO SISTEMA DE COMPARTILHAMENTO DE BICICLETAS PARA CRIANÇAS

SANTOS TEM O PRIMEIRO SISTEMA DE COMPARTILHAMENTO DE BICICLETAS PARA CRIANÇAS

A cidade de Santos, no litoral paulista, inaugurou no último final de semana de outubro, o primeiro sistema de compartilhamento de bicicletas para crianças de três a dez anos.  A iniciativa, inédita na América Latina, é uma parceira entre a prefeitura de Santos, a Danone e pela operadora Samba Transportes Sustentáveis que controla as 5 estações e 50 bicicletas disponíveis.

Em uma ação que vai além da simples promoção de um produto e em completa sinergia com a sua proposta da marca de estimular o desenvolvimento das crianças, a Danone está patrocinando esse novo projeto de compartilhamento de bicicletas que tem como grande apelo a conquista da autonomia. “Quando as crianças sentem que seus pais acreditam nelas, passam a se sentir mais seguras para explorar o mundo e assim amadurecem de forma mais sadia. Acreditar é dar crédito, é manifestar concretamente o amor que se sente no coração”, destaca Leo Fraiman, Expert em Pedagogia e membro do Conselho Global de Danoninho sobre Autonomia.

Trata-se de um projeto diferenciado, voltado para a educação das crianças e o estimulo ao uso da bicicleta “Muitas vezes as crianças ficam apenas nas cadeirinhas e é importante que elas também possam andar e os pais digam sim para esta autonomia, que ajuda no desenvolvimento cognitivo”, comentou Andrea Gaeta, diretora de Marketing da Danoninho.

O Danoninho Bike Kids funciona todos os dias das 6 às 23 horas e é direcionado para crianças entre 3 e 10 anos, com altura de até 1,50 m e peso máximo de 50 kgs. As 50 bicicletas infantis estão distribuídas em cinco estações: Parque Roberto Mário Santini (emissário submarino, José Menino), Concha Acústica (Canal 3), Fonte do Sapo (Aparecida),  Aquário (Praça Luiz La Scala, Ponta da Praia) e Jardim Botânico (Rua João Fracarolli s/nº, Bom Retiro).

As estações são alimentadas por energia solar e estão conectadas a uma central via wireless, permitindo o monitoramento das bicicletas e estações em tempo real. Para utilizar as bicicletas um adulto responsável pela criança deverá baixar o aplicativo Danoninho Bike Kids em um smartphone, e com um cartão de crédito fazer um cadastro. A utilização das bicicletinhas que tem rodinhas retráteis  é gratuita por  60 minutos, após esse período haverá cobrança de R$ 5,00 por hora adicional. Senão basta aguardar um intervalo de  15 minutos após a devolução e se houver disponibilidade pegar a bike gratuitamente mais uma vez. Para os adultos a cidade de já oferece o Bike Santos com 37 estações e 370 bicicletas.

fotos: divulgação

 

(AdNews - Bike é Legal)

Admin

16 Novembro 2016

Mobilidade

Comentários

Destaque

Fabricantes europeus estão fazendo um movimento de retorno, levando suas produções para mais perto da sua rede de distribuição na Europa. Agilidade nas entregas e possibilidade de atender a costumização estão sendo levados em conta por grandes players do setor