PESQUISA QUER CONHECER CAMINHOS DO BLUMENAUENSE

PESQUISA QUER CONHECER CAMINHOS DO BLUMENAUENSE

Pesquisa quer conhecer caminhos do blumenauense

Por onde passa quando vai trabalhar? Para aonde vai? Como vai? Essas e outras perguntas serão respondidas por 20 mil habitantes de Blumenau que participarão de uma pesquisa que envolve o Plano de Mobilidade Urbana do município catarinense. A pesquisa servirá  como base para a tomada de decisões quanto a obras e alterações no trânsito.

Os dados coletados serão incluídos em um software que auxilia na previsão de impactos que podem ser causados em casos específicos  como construções e inversões de fluxo de veículos, por exemplo.

Todas as informações serão usadas a médio e longo prazo pela prefeitura para elaborar planos que envolvam questões de mobilidade, segundo a coordenadora do BID-Blumenau, Ritta Bruel.

“Quando você tem dados mais concretos é possível justificar desde alterações simples no trânsito até ter uma noção de viabilidade econômica de grandes projetos. Com tudo em mãos fica mais fácil mostrar para o Executivo os porquês para fazer mudanças” — explica Ritta.

A equipe responsável pela pesquisa é composta por 50 colaboradores do consórcio (formado pela brasileira Concremat e pela espanhola MCRIT) que visitarão 4,3 mil residências na cidade até o mês de setembro, prazo para conclusão da pesquisa intitulada “Origem-Destino Domiciliar”. Serão levados em consideração os hábitos de deslocamento dos blumenauenses e até mesmo o perfil socioeconômico dos moradores.

Essa pesquisa é um complemento a outras duas já feitas (uma que identificou o trajeto percorrido por automóvel nas vias da cidade e outra com foco nos destinos dos passageiros de ônibus) e está incluída no Plano de Mobilidade Urbana da cidade, aprovado em 2012. O contrato tem o valor de R$ 10 milhões com duração de dois anos – terminando em 2017 – e o montante é financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento-BID.

Fonte: Diário Catarinense foto: Marcelo Martins-Pref.Blumenau

(Diário Catarinense)

Admin

25 2016

Mobilidade

Comentários

Destaque

Na última terça-feira (20/02) foi a presentada a Bike Brasil, novo nome da Brasil Cycle Fair. Dois dias depois, na quinta-feira (22/02) a Shimano anunciou a sua “nova casa” para o seu já tradicional festival da bicicleta: o Memorial da América Latina. O setor terá um segundo semestre agitado com a realização desses dois importantes eventos que movimentarão o setor