PANDEMIA PROVOCOU O AUMENTO DO INTERESSE PELO CICLISMO

PANDEMIA PROVOCOU O AUMENTO DO INTERESSE PELO CICLISMO

A Velon, empresa criada para cuidar dos interesses de marketing e comerciais das 11 maiores equipes de ciclismo do mundo, acaba de divulgar os dados de uma pesquisa, realizada junto aos fãs do ciclismo que aponta que a Covid-19 provocou, em vários países, um aumento no interesse pelo esporte.

O estudo, de âmbito global foi realizado em parceria com a agência britânica de pesquisa e comunicação  Halfspace Group .

O estudo coletou dados de 127 mil fãs que interagiram com o conteúdo do principal evento do ciclismo de estrada internacional, o Tour de France, nos canais próprios da Velon, incluindo o seus site e as atividades de CRM - customer relationship management (estratégias de gestão de relacionamento). Dados de seus canais sociais (incluindo 460 mil assinantes no YouTube, 3,7 milhões de fãs no Facebook, 2,7 milhões de fãs no Twitter e 3,8 milhões de fãs no Instagram), com referências cruzadas com dados do Google, também mostraram um aumento no interesse do consumidor global pela bicicleta  a partir de março 2020 até setembro, com um pico de pesquisas na Internet em abril. 

Além dos dados de engajamento direto coletados, o estudo também contém uma análise compatível com as politicas de proteção de dados no universo fora dos canais Velon e como os mesmos fãs estão se comportando e interagindo em setores, incluindo viagens, varejo, comércio, bens de consumo rápido (alimentos e bebidas), automotivo e fitness.

De acordo com os dados, são os setores de fitness/condiciomento físico  e automotivo que têm mostrado o maior índice de engajamento dos fãs de ciclismo.

Após analisar cuidadosamente os dados globais, fica claro que os setores automotivo e de condicionamento físico representam 75% dos 20 principais comportamentos e interesses individuais de nossos fãs de ciclismo”, disse Graham Bartlett, CEO da Velon.
Bartlett acrescenta:  “O processo de coleta de dados significa que agora temos insights profundos e acionáveis ​​em todos os nossos setores de fãs e acreditamos que, utilizando nossos principais serviços de mídia, podemos ajudar os patrocinadores a alcançar e se envolver com esse público melhor do que nunca”.

Os dados globais do setor de fitness foram ainda comprovados quando comparados com a análise da produção de conteúdo do Velon ao longo dos últimos 12 meses, o que mostrou que o conteúdo em equipamentos e equipamentos da equipe era estatisticamente mais provável de envolver os fãs do que outros tipos editoriais (fora do conteúdo ao vivo).

Velon, ao lado das suas  11 equipes do UCI WorldTour - BORA-hansgrohe, CCC Team, Deceuninck - Quick-Step Team, EF Pro Cycling Team, Lotto Soudal, Mitchelton, INEOS Grenadiers, Team Jumbo-Visma, Team Sunweb, Segafredo e UAE Team Emirates - diz que continuará a coletar dados no mês de outubro, durante o  Giro D'Italia e usará as descobertas para impulsionar seus produtos comerciais, como oportunidades de patrocínio global, monetização de dados das transmissões da corrida ao vivo e sua oferta de mídia, incluindo a extensa combinação de mídia social alcance das equipes de ciclismo.

fotos: A.S.O. ©Alex Broadway

(Halfspace Group)

Admin

15 Setembro 2020

Mobilidade

Comentários

Destaque

O senador José Medeiros é o relator, na Comissão de Assuntos Econômicos, do projeto que revoga a alíquota de 4% do ICMS sobre o comercio interestadual de bens importados