FLORIANÓPOLIS RECEBERÁ ATÉ O FINAL DO SEGUNDO SEMESTRE  MAIS 20 KM DE CICLOVIAS

FLORIANÓPOLIS RECEBERÁ ATÉ O FINAL DO SEGUNDO SEMESTRE MAIS 20 KM DE CICLOVIAS

Importantes vias da capital catarinense estão recebendo a implantação de novas ciclovias, ao final do segundo semestre Florianópolis deverá totalizar quase 170 km de malha cicloviária.

Florianópolis acaba de receber mais 6,1 km de ciclovias, de um conjunto de obras que visa aumentar e oferecer maior infraestrutura para utilização da bicicleta para deslocamentos.  Um novo trecho  que liga Canasvieiras-Cachoeira do Bom Jesus-Ponta das Canas, no Norte da Ilha.

A ciclovia ocupa toda a extensão da Avenida Luiz Boiteux Piazza, que já contava com um trecho de 900 metros e que agora se estende por todo o percurso. A nova ciclovia é bidirecional, ou seja, tem duas faixas que permitem a circulação em ambos os sentidos, ao mesmo tempo.

Outras estruturas cicloviárias também estão sendo implantadas em importantes vias do Leste,  Centro e Sul da Ilha, e da área continental da capital catarinense.

No Leste da Ilha, é o caso da Avenida das Rendeiras, na Lagoa da Conceição, e da Avenida Prefeito Acácio Garibaldi S. Thiago, na Joaquina. As ciclovias destas vias serão interligadas, terão pavimento de concreto asfáltico e, juntas, vão totalizar cerca de 4,5 quilômetros, correspondente às extensões das avenidas.

Entre a região central e o Sul da Ilha, outras duas ciclovias encontram-se em implantação. Uma  de  5,2 quilômetros, ao lado da Via Expressa Sul,  ou  Rodovia Governador Aderbal Ramos da Silva (SC-401), ligação entre o Saco dos Limões e a Costeira do Pirajubaé. Também bidirecional ou de mão dupla, ela está sendo feita de concreto armado no lado esquerdo da rodovia estadual, sentido Centro-Sul.

A estrutura cicloviária da Via Expressa Sul se conectarà à ciclovia que está sendo finalizada na Avenida Governador Jorge Lacerda, no trevo da Seta, onde as duas vias se cruzam. Ela abrange toda a extensão da Jorge Lacerda, com  3,4 quilômetros e, nos trechos onde existem pontilhões, contará com sinalização para ciclorrota

Na área continental, a marginal da Via-Expressa Continental (BR-282, terá implantação de ciclofaixa ao longo dos quase 1,5 quilômetro da via.

"Este novo modal de transporte através das bicicletas são primordiais para a melhoria da mobilidade urbana da Capital. Pensando assim, mais que dobramos a quantidade de ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas", destaca o secretário de Infraestrutura, Valter Gallina.

Florianópolis tem atualmente 146,8 quilômetros de ciclovias, ciclofaixas, ciclorrotas e passeios compartilhados, ainda há cerca de mais 20 quilômetros em implantação, totalizando quase 170 quilômetros.

Foto: Leonardo Sousa/PMF

(ASCOM/PMF)

Admin

26 Maio 2021

Mobilidade

Comentários

Destaque

Memorial da América Latina realiza ação inédita ao levar 12 esculturas de Adelio Sarro para exposição na ciclovia do rio Pinheiros