FILME SOBRE CICLISMO CONCORRE AO OSCAR

FILME SOBRE CICLISMO CONCORRE AO OSCAR

 

Wonderful Losers, a different world. Documentário do lituano Arunas Matelis apresenta o outro lado do ciclismo. Um lado único aonde o sacrifício e a derrota, podem ser a vitória. Premiado em muitos dos países aonde foi exibido,  Perdedores Maravilhosos, um mundo diferente (título ainda não definido em português),  revela o lado pouco destacado nos filmes sobre ciclismo: o mundo dos gregários .

O filme  destaca o que há por trás das equipes de elite do ciclismo mundial, aonde  esportistas desconhecidos, verdadeiros heróis do ciclismo que caem, se levantam e voltam à disputa sem lutar pela vitória final . Uma odisseia que revela um olhar incomum para os "perdedores maravilhosos", aqueles que sacrificam suas carreiras profissionais para a glória de seus companheiros de equipe.

A produção de Wonderful Losers  que teve um custo de pouco maios de 453 mil euros ( R$ 1,931 milhão ) pode ser considerada como uma verdadeira equipe do pelotão profissional e suas multinacionalidades. Oito países estão envolvidos no projeto: Lituânia, Letônia, Bélgica, Suíça, Irlanda do Norte, Irlanda , Espanha e Itália.

O documentário foi produzido durante o Giro d’Italia de 2014 e as etapas iniciais do Giro de 2015 por isso também contou com o apoio de entidades ligadas ao desenvolvimento do cinema daquele país, como a Trentino Film Commision, Piemonte Doc Film Fund ,  Film Commission Friuli Venezia Giulia e da Comissão de cinema da  região Puglia.

O documentário levou alguns anos para ser produzido e concluído, com muita gente envolvida, e também com a dificuldade encontrada para se conseguir o espaço para produzir um filme dentro de uma grande volta. “Batalhamos por cinco anos para conseguir as autorizações necessárias para filmar. A última vez que concederam autorizações para a produção de um documentário foi em 1973”, disse o diretor Arunas Matelis,

Wonderful Losers, foi lançado em outubro de 2017 durante o Festival de Varsóvia e aos poucos começa a ser exibido na Europa e Estados Unidos. Não há previsão do lançamento para os cinemas no Brasil.  O documentário foi selecionado pela Lituânoa  para a concorrer a duas premiações da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, na  91ª edição do Oscar.

(Mundo Bici)

Admin

21 Novembro 2018

Mobilidade

Comentários

Destaque

Um engenheiro italiano desenvolveu um protótipo de uma bicicleta com rodas sem raios que pode ser dobrada como se fosse um guarda-chuvas. Feita de alumínio, a bicicleta foi criada por Gianluca Sada, que patenteou o sistema inovador de aros que dispensa os tradicionais raios das rodas comuns de bicicletas e motocicletas