• 26 a 28 de Abril - 4º Festival da Bicicleta de Santos

    26 a 28 de Abril - 4º Festival da Bicicleta de Santos

    26 Abril 2019
    108

    4º Festival da Bicicleta de Santos

    De 26 a 28 de abril, a cidade de Santos promoverá o 4º Festival da Bicicleta. As ações acontecerão  no Centro Histórico de Santos, na Zona Intemediária e na Zona Noroeste da cidade.

    Em relação às edições anteriores, os novos locais que receberão o evento tendem a facilitar o acesso do público, com a ciclovia interligando vários pontos e com diversas linhas de transporte público fluindo em vias próximas.

    A 4ª edição do Festival da Bicicleta tem a organização e apoio da Associação Brasileira de Ciclistas, Skate, Patins e Cadeirantes – ABCSPC; Prefeitura de Santos, Associação Comercial e Câmara de Dirigentes Lojistas.

    Este ano, o tema principal do 4º Festival da Bicicleta da Cidade de Santos é “Bicicletas e as Mudanças Climáticas”.

    No primeiro dia, 26 de abril, uma mesa redonda reunirá na Associação Comercial de Santos especialistas na área de Mobilidade Urbana Sustentável, professores de Educação Física e especialistas da área de Meio Ambiente. Serão três Painéis:

    1º Painel: Bicicletas e Mudanças Climáticas

    2º Painel: Mobilidade Cicloviária e Educação Física

    3º Pinga Fogo: Bicicletas X Patinetes.

    No sábado, 27 de abril, das 14 às 17 horas, na Fonte do Sapo acontecerão oficinas de ciclismo e de conserto de bicicletas para crianças e o concurso Garota da Bicicleta

    No domingo, 28, às 10 horas no Sambódromo da cidadã, na Zona Noroeste um passeio ciclístico encerrará o festival .

    Para Jesse Teixeira Felix, presidente da ABCSPC, o 4º Festival da Bicicleta da Cidade de Santos nasceu para difundir os benefícios e prazeres da bicicleta para mais pessoas. “Um Festival aberto ao público, onde todos são bem-vindos, onde não existem tribos, nem distinção entre modalidades: existe apenas a paixão explícita pela bicicleta, para todos que quiserem conhecer melhor este universo, e claro, para aqueles sempre dispostos a declarar o amor pela magrela”.